EX PREFEITA BETI PAVIN DEIXA DE SANCIONAR PROJETO DE LEI DA CARAMBOLA E PACIENTES RENAIS CORREM RISCO DE MORTE

EX PREFEITA BETI PAVIN DEIXA DE SANCIONAR PROJETO DE LEI DA CARAMBOLA E PACIENTES RENAIS CORREM RISCO DE MORTE

- in Notícia
2629
0

Data 25/01/2021 – 19:18

No ano de 2017 o presidente da Câmara de Colombo, vereador Vagner Brandão, apresentou e foi aprovado por unanimidade na Câmara Municipal de Colombo, o Projeto de Lei do Legislativo N°: 811 que obriga os bares, restaurantes, lanchonetes, casas de sucos, supermercados, hortifrútis e similares sediados no Município de Colombo, a afixarem cartaz alertando sobre os riscos da ingestão da fruta carambola, por pessoas portadoras de doenças renais crônicas. De acordo com o estudo, a caramboxina pode provocar crise de soluço, epilepsia, convulsões e até levar à morte.

Este projeto mesmo após aprovado pela Câmara de Colombo, não foi sancionado pela Ex prefeita Beti Pavin colocando em risco a vida dos pacientes. Hoje temos em média mais de 500 pacientes renais crônicos no município e muito deles não tem o conhecimento da gravidade do consumo da fruta correndo risco de morte por falta de divulgação, implantação e irresponsabilidade da Ex Prefeita.

Os pacientes esperam em regime de urgência que o Novo Prefeito Helder Lazarotto sancione o projeto para que a população esteja em alerta para o consumo da fruta e a Secretaria Municipal de Saúde execute e coloque em prática em prol dos pacientes renais crônicos.

Sobre o Autor

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Pode ser de seu interesse

Governo do Paraná quer sistema integrado de transporte elétrico em grandes cidades como Colombo

08.01.1 Estado articula integrar novos modais ao sistema